GAME OF THRONES: SO7EP6 – Beyond The Wall

Infelizmente pessoal, em Beyond The Wall, tivemos que dizer adeus para o filho mais novo de Daenerys, Viserion. O que já estávamos prevendo que aconteceria se tornou realidade nesse penúltimo episodio.

Game Of Thrones está se aproximando cada vez mais do fim, me deixando preocupada e ansiosa de como será a ultima temporada. O foco de Beyond The Wall foi Jon e seu improvável “esquadrão” numa missão suicida para o além da muralha, com o objetivo de capturar um dos Walkers para apresentar a verdadeira ameaça para Cersei, para que talvez uma “aliança” para derrotar esse inimigo em comum possa ser feita. Mas cá entre nós, pior plano de todos os tempos, e até parece que a Cersei vai aceitar isso, tretas virão… e Tyrion você já fez planos melhores, que ideia de jerico foi essa meu amigo!

O episodio foi recheado de diálogos inteligentes entre o ‘grupo de suicidas’, a conversa de Beric e Jon sobre a fé um do outro foi importante para o conhecimento dos dois, de que eles voltaram à vida por terem um proposito significativo em seus caminhos – retornaram a vida para enfrentarem o Rei da Noite. Mas a conversa, digamos que, mais cômica do episodio foi entre Tormund e Clegane sobre Brienne, levando o Cão, mais a frente, a salvar Tormund da morte, surgindo uma estranha e engraçada conexão de amizade entre eles.

Beric e Jon batendo um papo maroto

Beric e Jon batendo um papo maroto

Depois de muita conversa, a ação começa quando o grupo avista parte do exercito dos Caminhos, conseguindo assim, o esquadrão de Jon, capturar um dos Walkers. Porém, estava fácil demais para ser verdade, logo em seguida, um batalhão de Caminhantes começam a chegar encurralando o grupo, e foi nesse momento que eu disse para Jon: “F.U.D.E.U!”.

Nesse meio tempo, Gendry foi correndo para a muralha para mandar uma mensagem de ajuda a Daenerys. Com a chegada de Dany e seus 3 lindos dragões no além da muralha, foi a cena mais doida do episodio, e a mais dolorosa também, infelizmente o que já esperávamos que fosse acontecer, aconteceu. O líder dos caminhantes lançou com todas as forças sua lança pegando em cheio Viserion, o fazendo cair em dor nos seus últimos suspiros de vida sobre o lago de gelo. O que me estranhou foi a demora dos White Walkers em atacar o grupo, talvez o Rei da Noite já soubesse que Daenerys chegaria com seus dragões, e por isso ele estava esperando tanto para um ataque, justificando a grande corrente que apareceu do nada, para retirar Viserion de dentro do lago.

Eis que vai um lindo Dragão.

O chefão de toda a parada pronto para atacar.

Num momento de luto eu estava, ao ver Viserion morrendo, e sim, eu chorei! Mas fiquei indignada com Daenerys que vendo a morte de seu filho, estava mesmo era preocupada com Jon. Desculpa minha gente, mas eu chorei vendo Viserion morrer e a mãe do coitado estava preocupada era com o Jon! Eu senti raiva por ela não ter expressado nenhuma indignação e revolta.

Chorei mais que a própria mãe!

Chorei mais que a própria mãe!

A teria do Dragão de Gelo se concretiza neste momento, no final de Beyond The Wall o todo poderoso Rei da Noite acaba ressuscitando Viserion, só sei que estão todos fudidos! Ah não podemos deixar de citar a repentina aparição de Tio Benjen para salvar Jon que estava prestes a ser morto… pelos mortos. Ele demorou pra aparecer, mas chegou já indo embora, agora podemos dizer com toda a certeza de que dessa vez o Tio Benjen morreu de verdade (espero né, mas só falta ele aparecer de novo do nada salvando o Jon ou qualquer outro Stark).

Dragão de Gelo REBORN

Dragão de Gelo REBORN

Sou team Jonerys, mas ôh ceninha forçada com Jon chamando a Rainha dos Dragões de DANY. Serio Jon?! Dany??? Os fãs são os únicos que a chamam assim, além, claro, do irmão dela apesar de que seu irmão não era alguém de confiança – Mas não se preocupe Dany somos confiáveis! Bacana mesmo foi ela explicando que seria desagradável ser chamada de Dany, e o Jon solta um “Ok, não Dany! Que tal Minha Rainha”, nessa parte eu dei gritinhos – “woow thats cute!”. Mas pra falar a verdade, não gostei muito não.

Alright not Dany! How about My Queen

Alright not Dany! How about My Queen

Voltando para Winterfell, preciso dizer que já passou da hora do Mindinho morrer, já não sei mais o que esperar que aconteça. Littlefinger fez com que Arya se voltasse contra Sansa, e agora Arya está agindo (não impulsivamente), mas não está analisando os pontos, de que talvez Mindinho tenha implantado isso para que as duas ficassem uma contra a outra. Ou será que tudo isso é um teatrinho das irmãs para que Mindinho pense que seu plano está dando certo, e no final de tudo Arya acabar o matando, ou Sansa, afinal de contas Arya deu a adaga para ela, o que será que Sansa fará com aquela adaga?

Momento em que Arya entrega a adaga para Sansa

Momento em que Arya entrega a Adaga para Sansa

Apesar dessa temporada ter sido muito eletrizante, eles correram um pouco com algumas coisas (entendo, pois a serie já está em seu fim), além dos roteiristas estarem forçando algumas coisas, e da série não ser mais imprevisível como antes, estão querendo colocar biquíni fio dental num elefante (se é que me entendem). A minha maior preocupação é de como será o final dessa obra e rezo todos os dias para que eu não me decepcione! Agora nos resta esperar o episodio final que vai ao ar nesse domingo para criarmos outras teorias para a 8° temporada. Enquanto isso fiquem com o teaser do season finale “The Dragon And The Wolf”.

GAME OF THRONES: SO7EP5 – Eastwatch

GAME OF THRONES: SO7EP4 – The Spoils Of War

0

Leave A Comment

Your email address will not be published.